O peixeiro que virou peixão

Até os 17 anos, o agora modelo Jhona Burjack vendia peixes em um mercado nos arredores de Brasília

Divulgação

Até os 17 anos responsável por descamar, limpar e vender peixes em um mercado nos arredores de Brasília, Jhona Burjack é hoje, aos 24 anos, o modelo brasileiro de maior êxito no exterior. Ele será a estrela das próximas campanhas da Armani e Moschino e é representado em Nova York pela mesma agência de Gisele Bündchen. Recentemente, fez um trabalho com a atriz espanhola Rossy de Palma. “Assisti a todos os filmes dela, e viramos amigos.” Com a grana que entra, o rapaz está construindo uma casa para a família. “Meu pai, pedreiro, não possui celular e tem pouca dimensão do que eu faço. Já minha mãe, caixa de mercado, me acompanha pelas redes sociais.”

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*